Parceria entre Boa Vista e 88i impulsiona o uso de inteligência analítica no mercado de seguros

Aliança amplia o uso da inteligência analítica no segmento, e contribui para democratizar acesso do consumidor aos serviços de proteção e assistência

O uso de inteligência de dados no setor de seguros tem se mostrado indispensável, sobretudo para que as companhias tenham capacidade de aprimorar sua oferta de produtos e para que tenham relações mais próximas com os clientes. Diante desse cenário, a parceria entre a Boa Vista, empresa de inteligência analítica, e a 88i Seguradora Digital enfatiza ao mercado os benefícios da aplicação da ciência de inteligência de dados na estratégia de negócios.

Para o CEO da 88i, Fernando Moreira, “a aliança entre as empresas proporcionará a criação do primeiro Data Science Labs direcionado ao mercado de seguros”, que atualmente passa por uma revolução com o advento das insurtechs (start ups focadas nos clientes das seguradoras) e seguradoras digitais. O objetivo, segundo Moreira, é atender a esse crescente mercado digital de seguros no Brasil com a oferta de produtos e soluções enriquecidas com o que há de mais avançado em inteligência analítica.

A ciência de dados aplicada possibilita que as seguradoras mapeiem de forma estruturada os hábitos individuais dos usuários digitais e desenvolvam soluções de proteção acessíveis ao bolso e às necessidades dos consumidores, explica Lucas Guedes, VP de negócios da Boa Vista. E neste quesito a empresa entra como um facilitador para o crescimento também das seguradoras digitais e insurtechs, independentemente da maturidade do negócio. “Nós apoiamos as que já estão há muito tempo no mercado, e as que estão começando a sua revolução digital, com a nossa fortaleza em analytics e a nossa flexibilidade de negócios”, enfatiza o executivo da Boa Vista.

88i e um seguro mais simples possível

A 88i é uma seguradora digital que oferece planos de assinaturas de seguros flexíveis e opera no modelo Open Insurance, fazendo uso de dados e de inteligência artificial, computação em nuvem e blockchain. Nesta fase inicial da parceria, a empresa tem utilizado o Boa Vista BlueBox, ferramenta de segmentação para qualificar a prospecção de oportunidades de ofertas, aprimorar a personalização de produtos e reduzir custos para o consumidor.

Segundo Guedes, nesta parceria estratégica de negócios, a 88i tem a sua disposição todas as soluções desenvolvidas pela Boa Vista para apoiá-la em todas as etapas do seu ciclo de negócios, desde a parte cadastral, passando pela precificação/cotação, scoring, formalização/subscrição, vistoria, emissão, fraude, sinistro, ressarcimento e renovação. “E iremos além, iremos construir novas soluções em conjunto. Será uma dinâmica riquíssima”, complementa o VP de negócios.

A seguradora digital tem uma atenção especial às classes C, D e E e aposta na personalização para gerar inclusão social de uma parcela da população brasileira que é ainda precariamente atendida e mal tem acesso a serviços de proteção ou assistência. “A partir da parceria firmada com a Boa Vista, nossas soluções 100% digitais nos colocam na vanguarda de um mercado em plena transformação. Faremos a distribuição de produtos e serviços de seguro personalizados e vamos ofertar as melhores soluções com inteligência em tempo real, soluções a preços atrativos e competitivos, e a melhor experiência do cliente”, afirma o CEO da 88i.

A Boa Vista também tem apoiado a 88i com a criação de modelos analíticos. As soluções permitem que a seguradora mapeie todas as etapas da jornada do cliente e entenda de forma detalhada aspectos como a capacidade de pagamento e quais serviços os consumidores estão mais propensos a adquirir. “A inteligência de dados aplicada no mercado de seguros se mostrou disruptiva e democratizou os seguros e serviços de assistência em diversos países”, diz Moreira.

Boa Vista expande atuação no mercado de seguros

Há anos a Boa Vista atende aos principais players desse segmento. Agora, amplia sua atuação diante da revolução digital que o mercado vive com a chegada das insurtechs e das seguradoras digitais, que participam do sandbox regulatório da Susep (Superintendência de Seguros Privados).

De acordo com Guedes, o sandbox no mercado de seguros constitui um ambiente regulatório experimental que possibilita a implantação de projetos inovadores que apresentem produtos ou serviços desenvolvidos a partir de novas metodologias, tecnologias, processos ou procedimentos que possam ser ofertados ao mercado. E é neste sentido que a aliança entre a 88i e a Boa Vista tem a oferecer para o consumidor final que anseia por serviços de proteção e assistência.

“Na Boa Vista, estamos cada vez mais focados em participar dessa disrupção digital do mercado de seguros. O mesmo movimento que fizemos com as fintechs, que hoje têm a Boa Vista como um dos seus principais parceiros, nós fazemos agora com as insurtechs e seguradoras digitais. As nossas soluções, baseadas em uma ampla base de dados, tanto com informações negativas quanto do Cadastro Positivo e inteligência analítica, têm se mostrado efetivas para o setor. Além disso, temos muita flexibilidade comercial para entender e atender as necessidades dessas empresas, e o momento pelo qual estão passando”, ressalta o VP de negócios da Boa Vista.

A expansão no mercado de seguros se apoia nos investimentos feitos em tecnologia e inovação, que impulsionaram sua oferta de soluções com inteligência analítica. Com o lançamento do Centro de Excelência em Analytics (CEA), em abril de 2021, a Boa Vista elevou as soluções criadas e ofertadas ao mercado ao patamar de “estado da arte” em criação de algoritmos, oferecendo mais precisão, agilidade e praticidade no desenvolvimento e nas entregas de produtos e serviços.

Quer uma dica?

A segunda turma do curso de Insurtech e Inovação em Seguros em 8 aulas vai começar no dia 16 de agosto. Saiba mais clicando aqui ou acessando https://cursos.insurtechbrasil.com

ARTIGOS SIMILARES

Advertisment

POPULARES